Você está aqui: Página Inicial > Alocação de tempo > Alocação de tempo para os telescópios do Observatório do Pico dos Dias

Alocação de tempo para os telescópios do Observatório do Pico dos Dias

por Ronaldo da Cunha Vasconcelos última modificação 10/07/2018 15h53
As distribuições de tempo para os telescópios do Observatório do Pico dos Dias são publicadas em junho e dezembro para os períodos dos semestres observacionais de Setembro-Fevereiro ou Março-Agosto e são atualizadas sempre que houver alteração.

 

Primeiro Semestre 
(Mar/18 - Ago/18)

Distribuição 2018A
Projetos aprovados 2018A

Segundo Semestre novo!
(Set/18 - Fev/19)

Distribuição 2018B
Projetos aprovados 2018B


A alocação do tempo de observação dos telescópios  é feita a cada seis meses. Um período vai de 1° de março a 31 de agosto e o seguinte de 1° de setembro a 28/29 de fevereiro. As datas limites para o recebimento dos pedidos de tempo são 28 de outubro e 30 de abril, respectivamente. O encaminhamento dos pedidos deve ser feito por correio eletrônico para a comissão de programas do Observatório do Pico dos Dias e o uso do formulário oficial é obrigatório.

 

Tempos vagos nos telescópios

A programação das observações tal como preparada no início do semestre observacional tem algumas noites vagas principalmente nos telescópios pequenos. Para se candidatar ao uso destes tempos, preencher o formulário disponível na página de informações para o observador do OPD.

Tempos vagos tem prioridade menor do que os tempos regulares quando houver conflito de recursos instrumentais.


Publicações

Com a finalidade de obter uma estatística completa sobre a utilização dos dados obtidos com os telescópios administrados pelo LNA, assim como um registro completo das publicações em periódicos gerados a partir desses dados, o LNA estabeleceu as seguintes normas:

 

1. São considerados observatórios sob responsabilidade do LNA

a.    O Observatório do Pico dos Dias (OPD)
b.    O Southern Astrophysical Research Telescope (SOAR)
c.    Os telescópios Gemini (Norte e Sul)
d.    Demais telescópios que sejam operados ou gerenciados pelo LNA (ex: tempo destinado à comunidade astronômica brasileira - menos aos pesquisadores do ON e do IAG - no Telescópio de 1,52m do ESO no período de janeiro a dezembro de 2002)

2. Publicações baseadas em dados coletados no OPD devem ter na primeira página o crédito: "Baseado em observações realizadas no Observatório do Pico dos Dias / LNA". Para os demais observatórios devem ser seguidas as regras definidas pelos mesmos.

3. Solicita-se que seja feita uma notificação de cada nova publicação à biblioteca do LNA através de formulário eletrônico.

4. Dentro do possível, mencionar no artigo a instrumentação que foi utilizada para a obtenção dos dados (configuração telescópio + instrumento + detector).

Vale a pena lembrar que para a concessão de tempo de observação são levadas em consideração as publicações derivadas de dados obtidos em turnos prévios.   Além disto salienta-se que a avaliação do LNA pelos órgãos governamentais é baseada em parte na estatística de produção científica baseada em dados obtidos nos observatórios sob a responsabilidade do LNA.