Você está aqui: Página Inicial > Informações > Representantes Brasileiros

Representantes Brasileiros

Representantes Brasileiros no Observatório Gemini

Membros da comunidade astronômica brasileira exercem várias funções no Observatório Gemini. Os seguintes astrônomos atuam como membros de comissões nacionais e internacionais e em outras funções oficiais: 

Conselho Diretor 

Gemini Board of Directors

O Conselho Diretor do Gemini regula a política orçamentária do Observatório Gemini, que tem representantes de todos os países parceiros, e executa amplas funções de supervisão, definidas no acordo entre as agências dos países parceiros. Reserva-se o direito de aprovar as nomeações para o Diretor do Observatório e para os Diretores Associados do Gemini Norte e do Gemini Sul.

Thaisa Storchi Bergmann - UFRGS (Titular) - (thaisa@if.ufrgs.edu)

Laerte Sodré Jr. - IAG/USP (Suplente) -  (laerte@astro.iag.usp.br)

 


Comitê Financeiro 

Gemini Finance Committee (GFC)

O Comitê Financeiro do Gemini (GFC) é composto por autoridades financeiras dos vários países parceiros. O GFC faz recomendações ao Conselho Diretor do Gemini a respeito de questões financeiras, orçamentárias e de planejamento a longo prazo do Observatório Gemini.

Bruno Castilho - LNA/MCTI (bruno@lna.br)  


Comitê Consultivo Científico e Tecnológico

 Gemini Science and Technology Advisory Committee (GSTAC)

O Comitê Consultivo Científico e Tecnológico assessora o Conselho Diretor do Gemini em relação a políticas de longo prazo de relevância científica e técnica.

Alberto Ardila Rodríguez- LNA/MCTIC (Titular) (aardila@lna.br)

José Eduardo Telles - ON/MCTIC  (Suplente) (etelles@on.br)

 

AURA Oversight Council for Gemini (AOC-G)

O Comitê de Supervisão AURA-Gemini proporciona supervisão e proteção à administração do Observatório Gemini.

Beatriz Barbuy - IAG/USP 

 

Comitê de Usuários do Observatório Gemini

Users' Committee for Gemini Observatory (UCG)

O UCG irá fornecer feedback para o Observatório Gemini Gemini sobre todas as áreas operacionais que  afetam os atuais usuários, com base na experiência dos membros do comitê, bem como de contribuições recolhidas da comunidade maior de usuários Gemini. O Observatório irá utilizar essas informações para melhorar o serviço que presta aos usuários. 

O Observatório seleciona os membros, com base em recomendações dos NGOs, da comunidade de usuários em geral, e da equipe do Observatório. Nomeações serão normalmente por 3 anos, renováveis.

Thiago Signorini Gonçalves - UFRJ   (tsg@astro.ufrj.br)

 

Comitê Internacional de Alocação de Tempo (Comissão de Programas) 

International Time Allocation Committee (ITAC)

A Comissão Internacional de Programa (ITAC) é formada pelos representantes das Comissões Nacionais de  Programas (NTACs), bem como por representantes do Observatório Gemini. As recomendações da ITAC servem como aconselhamento ao Diretor do Gemini. A ITAC reúne-se duas vezes ao ano para deliberar sobre as propostas científicas em conjunto e as conflitantes, identificadas durante o processo de fusão das propostas, e para recomendar os programas a serem executados em modo fila e clássico.

Kepler de Souza Oliveira (Titular) - UFRGS - (kepler@if.ufrgs.br)

         Eder Martioli (Suplente) - LNA/MCTI (emartioli@lna.br)


Comissão Nacional de Programas

National Time Allocation Committee (NTAC)
Os seguintes especialistas integram a Comissão Nacional de Programas do Observatório Gemini, com mandato de 06 de março de 2016 até 16 de março de 2018, tendo sido indicados pelo CTC/LNA e designados pela * PO/LNA-PO-12/16 de 16 de Março de 2016: 

Kepler de Souza Oliveira - UFRGS - Presidente

Eder Martioli - LNA/MCTI - Presidente Suplente

Cássio Leandro Dal Ri Barbosa 

Denise Rocha Gonçalves - UFRJ

Gastão Lima Neto - IAG/USP

Jane C. Gregório Hetem - IAG/USP

Karin Menendez Delmestre - UFRJRoderick Overzier - ON/MCTI

Rogemar Riffel - UFSM

Reinaldo Ramos de Carvalho - INPE

Roberto Kalbusch Saito - UFS

Wagner José Corradi Barbosa - UFMG

Membros com mandato de 2 anos


Operations Working Group (OpsWG)

O OpsWG aconselha o Diretor do Gemini em relação ao uso e agendamento dos telescópios e em questões referentes ao suporte aos usuários, bem como na interface entre as comunidades nacionais e o Observatório.

Eder Martioli - LNA/MCTI  - (emartioli@lna.br)

 

Grupo de Trabalho do Gemini

O Grupo de Trabalho do Gemini, inicialmente chamado de Comitê de Trabalho do Gemini, é ligado ao Conselho Técnico-Científico (CTC) do LNA e tem como função subsidiar o CTC e o diretor do LNA nas questões relativas ao Gemini. 

O Diretor do LNA, no uso de suas atribuições e de acordo com as deliberações do CTC/LNA em reunião de 8 de dezembro de 2011, estabeleceu a criação desse comitê de trabalho através da PO/LNA-15/12, de 18 de abril de 2012. Essa portaria foi alterada pela PO/LNA-62/12, de 22 de outubro de 2012, na qual o comitê passou a ser denominado "Grupo de Trabalho do Gemini" e sua composição passou a incluir o representante do recém criado"Users' Committee for Gemini Observatory". 

Composição 

O Grupo de Trabalho é composto por todos os representantes brasileiros junto aos comitês do Gemini:
- titular e suplente no “Board of Directors” (Conselho Diretor);
- titular e suplente no "Gemini Science and Technology Advisory Committee" (GSTAC, Comitê Consultivo Científico e Tecnológico do Gemini);
- titular no “Gemini Finance Committee” (GFC - Comitê Financeiro);
- titular no “International Time Allocation Committee” (ITAC - Comissão Internacional de Programas, que também é o Presidente da Comissão Nacional de Programas);
- titular  no  "Users' Committee for Gemini Observatory" (UCG - Comitê de Usuários do Observatório Gemini);
- e titular no “Operations Working Group” (que é o gerente do Escritório Brasileiro do Gemini, BrGO).

Competências

- Promover uma discussão permanente sobre os assuntos relativos ao Observatório Gemini no Brasil com a finalidade de melhorar nossa utilização dessa infraestrutura.
- Manter uma comunicação direta com nossa comunidade de usuários Gemini e conhecer suas demandas.
- Preparar a discussão sobre a renovação do contrato com o Gemini após 2015.
- Propor e organizar ações (workshops, escolas, etc.) que otimizem a utilização do Observatório.
- Preparar um relatório anual sobre o Gemini para o CTC.